Montanhas Nevadas

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ir em baixo

Montanhas Nevadas

Mensagem por Syaoran em Ter 20 Maio 2014 - 18:34



As montanhas mais alta e frios das 3 grandes cidades, o seu cume pode ser até visto  das outras cidades. Nestas vivem bestas montanhosas que atacam invasores com más intenções ou simplesmente os caçam para comer ou diversão.
avatar
Syaoran

Mensagens : 749
Data de inscrição : 18/05/2014
Idade : 23
Localização : Matosinhos

Ficha do personagem
Nome:: Alibaba Saluja
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Mustang em Dom 16 Nov 2014 - 16:20

Alphonse descansava sobre uma das imensas grutas nas montanhas geladas. O seu corpo estava coberto por um manto castanho, os seus longos cabelos verdes caiam sobre o manto. Fixaxa o olhar na queda da neve, o vento estava forte, parecia aproximar-se uma tempestade. Suspirou. As imagens da morte Aikuro surgiam novamente na sua mente. Não havia outra solução.

Abaixou a cabeça. Cerrou os punhos. Parecia irritado. Inspirou fundo e expirou. Parecia mais calmo.

- Não posso perder a calma, tenho de prosseguir com o plano. - relembrava-se a si mesmo dos seus verdadeiros objetivos - As informações que Scarlet Edward me deu foram muito boas. Aquele Minami, ele tem um estilo de luta bem interessante. - levou o indicador ao queixo, como se pensasse no que fazer a seguir. Analisava os dados - Hamon, capacidade de utilizar energia solar, eficaz contra seres do mal. Stand, um guardião condicionado pelo psicológico do usuário. Este assassínato será o sufeciente para o levar a ruína. Entenderá o ódio. - fez uma pequena pausa, voltou a olhar a tempestade - Se o Stand for mesmo influênciado pelo seu psicológico...Josuke desenvolverá um novo poder. Personificação do ódio e capaz de utilizar a luz. - sorriu - É a arma perfeita contra ele.

Concluindo o raciocínio, ergueu o seu corpo. O seu corpo desfez-se em névoa. Abandonara o local.
avatar
Mustang

Mensagens : 435
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Sasagawa Alphonse
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Qui 4 Dez 2014 - 14:28

Calmamente Jousuke foi subindo a montanha a pé, tentando ser discreto apesar de não consegui disfarçar a sua energia, tentando obter uma olhadela sobre a fonte daquelas reacções nas montanhas.

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Qui 4 Dez 2014 - 17:14

Jojo subia a montanha em alerta, preparado para o que pudesse aparecer e não foi preciso esperar muito para isso. Podia sentir uma energia atrás de si e de imediato um raio negro na sua direcção, no entanto algo frouxo e fácil de desviar, um mero tease ao cavalheiro de Athena.

- Tava à espera que viesse alguém de jeito, mas parece que ando a cheirar mal para atrair lixo.

A voz era familiar ao Minami, e não precisava de ver para saber de quem se tratava


- Estás diferente hmm... Pareces mais ridículo do que eras, o que é quase impossível. - dizia o jovem, continuando a espicaçar o possuídor de Hamon.
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Qui 4 Dez 2014 - 18:20


De um momento para o outro Jousuke teve de desviar a cabeça para um ataque um tanto inútil que só serviu para dar a localização da ameaça. "Ah foda-se, tu outra vez."

DICKHEAD, o suposto eterno rival de Jousuke com a mania que queria batalhar-lo because reasons. De toda a gente que podia estar por aqui, DICKHEAD era a pessoa que Jousuke menos queria ver. Era simplesmente um gajo irritante para o qual não havia paxorra para aturar, não alguém que Jousuke achasse maligno per ser, mas sim alguém irritante pela sua fixação.

"Precisas de tomar mais duches então. O recomendado é um por dia." troçou um bocado Jojo sem sorrir muito abertamente "Mas pronto se tás prai a treinar então longe de mim incomodar-te, posso me ir já embora que não tinha nada que fazer aqui afinal."

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Qui 4 Dez 2014 - 21:25


- Ir embora? Ahahahahahahah! - soltou uma risada gigante perante a afirmação de Jousuke. Parando de rir, olhou para o cavaleiro de Athena e a sua face tornou-se séria, mas sempre com um sorriso de quem estava a desfrutar do gozo que estava a ter - Eu aumentei a minha energia e fiz aquele clarão na esperança que alguém curioso viesse cá para finalmente ter uma boa luta, e quem diria que de todas as pessoas, tu irias aparecer. - disse, começando a estalar os punhos e o seu pescoço - Aaaaah! Parece que vou ter que dar uns socos no saco de pancada primeiro. - afirmou, e nesse momento o rapaz de cabelos loiros começou a fazer o seu poder mágico ser sentido, era um pouco de nada menor que o de Jousuke, mas produzia efeitos devastadores. Faíscas eléctricas começavam a aparecer ao redor de Hotaru e o chão à sua volta desintegrava-se devagarinho. Um sorriso arrogante e de entusiasmo era visível no rosto do líder dos Sleeping Forest.
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Qui 4 Dez 2014 - 23:27

"For fuck's sake..."

ASSFAG não parecia ouvir a razão como sempre, precipitando-se a mostrar com aquele poder perigoso de destruição que possuia. "Então a tua ideia era tentar atiçar pancadaria? Estás a tentar ver-te outra vez cheio de porrada em cima como da última vez que te vi?"

Jojo não tinha a certeza absoluta sobre a sua capacidade em fazer frente àquele homem agora, com quase um ano e meio desde a ultima vez que se tinham visto, tanto Jousuke como ASSFAG tinham certamente melhorado, da última vez que tinham lutado Jousuke pensava que o único poder de Star Platinum era a restauração, e agora sabia poder controlar de alguma forma o tempo. ASSFAG, no entanto, possuia alguma espécie de Abnormalidade que envolvia a destruição de matéria. Se Aikuro ainda estivesse vivo e reparasse na personalidade do rapaz, certamente o consideraria um Minus, pensou Jousuke.

"Espero apenas não demorar tempo suficiente para preocupar a Kohaku-san", sussurrou o rapaz enquando removia os seus óculos laranja e a capa, deixando-os juntamente com a caixa de Pandora.

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Sex 5 Dez 2014 - 14:24


- Em 5 minutos vais estar a suplicar para que eu pare. - mal terminou nem deu tempo para uma resposta, lançando-se a toda velocidade contra Jojo para lhe socar violentamente. Era rápido, parecia ter uma velocidade semelhante à do rapaz de cabelos azuis, a sua mão carregava aquela energia aterradora de electricidade negra, Jousuke já deveria saber que se levasse com aquilo não ficaria em bons lençóis.
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Sex 5 Dez 2014 - 18:43



Não era da natureza de Jousuke lutar sem dar pelo menos 90% do seu poder, por isso é que o seu cabelo já estava a ficar negro assim que DOUCHEBAG iniciava o seu ataque. Graças a isso, conseguia ver o tempo dilatado, decidindo logo um curso de acção.

Enquanto a Caixa de Pandora abria-se, soltando sucessivamente as peças da Armadura de Cavalo Menor. Enquanto pelo menos o punho direito não se encaixava, Jojo congelava o tempo do ar à sua frente, formando efetivamente um Escudo de Tempo, o suficiente para atrasar Hotaro paraque o punho de Jousuke ficasse armado com as soqueiras da Armadura, para logo a seguir acelerar o seu próprio tempo. Star Platinum: Za Warudo!

Acelerando então o seu próprio tempo, vendo tudo quase parado na sua perspectiva, atirou um gancho superior para o queixo de Hotaro com o seu punho protegido pela armadura sagrada, num piscar de olhos. Se o contato fosse rápido, e se a Armadura Sagrada fosse tão resistente como o hype previa, então talvez a conseguisse usar para se proteger do poder de DOUCHEBAG, nem que tivesse de a restaurar depois.

Altered God Mode
Um novo estado de existência, proveniente da crescente mestria no Breathing and Walking e do dominio das emoções que eram a chave do War God Mode, bem como do novo poder obtido através da Flecha. Neste estado as ondulações do corpo e mente de Jojo ficam de tal forma em sintonia com o exterior que novos poderes são obtidos.
-Mind Strenght: Com a sintonia da sua mente com o corpo e exterior, torna-se mais resistente a males da cabeça como dor e alguns tipos de ataques mentais.
-Brain Burst: Devido aos novos poderes de Star Platinum, a percepção de tempo de Jojo é acelerada em relação ao normal, sendo que na prática os seus tempos de reacção diminuem consideravelmente.
-Star Platinum: The World: consegue temporariamente multiplicar a velocidade do seu corpo acelerando o "estado" dele, na mesma veia que o Brain Burst (10 de energia e 5 de stamina)
Rank B

Técnica: Stagnation
Descrição: Josuke usa o poder do seu Stand de uma maneira ligeiramente ligerente, congelando o estado de algo em vez de o regredir. Isto pode servir para "endurecer" objetos, uma vez que estão congelados no tempo e não irão receber tantos impactos, como por exemplo o ar, criando barreiras.
Rank: D

-Star Platinum: The World: consegue temporariamente multiplicar a velocidade do seu corpo acelerando o "estado" dele, na mesma veia que o Brain Burst (10 de energia e 5 de stamina)

Força: 9
Velocidade: 11 +4 =15
Resistência: 4
Poder Magico: 16 +6 =22
Energia = 111 -12- 22 - 10 = 67
Stamina = 95 - 5- 5(soco)= 85

off: Apetece-me bater com a cara na parede por ainda não ter os custos/ganhos do altered god mode mas fui buscar os valores que usei durante a luta contra o minos.
http://animerpgpt.forumeiros.com/t51p45-centro-da-cidade#314

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Sex 5 Dez 2014 - 20:20


O seguidor de Athena movimentara-se bem e usando logo o máximo das suas capacidades, conseguiu esquivar ao golpe de Hotaru e dar-lhe um valente golpe no queixo, fazendo-lhe ser projectado para trás, também por vontade do próprio. Pousando os dois pés, o jovem loiro levou a mão direita ao queixou 'indireitando-o', perceptível pelo estalido que se fez ouvir - Muito bem lixo-kun, mas perdeste a tua chance de vencer. - dizia arrogantemente, apesar de ter acabado levar um murro. Limpou o sangue que tinha nos lábios. Aquele momento serviu para Hotaru avaliar as habilidades de Jousuke - Quando vais logo full power tens que certificar que arrumas com o gajo, onde eles vão arrumar-te a ti, e quando digo eles, digo eu. - e apesar da usual trash talk, Hotaru estava bem sério naquele momento, cerrando os seus punhos, concentrando a electricidade negra - Oooooooooooooveeeeeeeeeer...CHAAAAAAAAAAAAAAAAAAAARGE! - e nesse instante a energia nas mãos propagou-se para o seu corpo todo, cobrindo-lhe como uma espécie de armadura  - MOSTRA-ME O QUE VALES! - ordenou o loiro, correndo novamente contra o Josuke, estava mais rápido que antes, um pouco de nada mais que ele mesmo com Altered God Mode, e o poder mágico deste era igual ao de Jojo no seu novo estado. Hotaru disferiu novamente um soco, mas parecia que o soco não iria atingir o corpo do rival, pois lançara um pouco antes que pudesse fazer contacto, mas mal o soco fosse disferido, apesar de socar o ar, do punho de Hotaru sairia disparado uma 'lança' negra de electricidade a uma velocidade incrível graças à força dele. Apesar de ser um ataque de linha recta, graças ao novo poder neste estado e a ser usado em curta distância, podia ser um ataque letal, rápido e penetrante.
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Seg 8 Dez 2014 - 16:04


Um golpe limpo. Era isso que Jousuke tinha conseguido dar em Hotaro, mas mesmo isso não era o suficiente para mandar abaixo alguém como ele. Não podia deixar de admirar a resistência dele, apesar de isso ser produto da sua obcessão.

Parecia que, assim como Jojo, Hotaro também estava a carregar alguma espécie de power-up, cobrindo-se com aqueles raios que de certeza iriam dificultar os ataques de Jojo.

Os seus olhos moviam-se rápido, com Jousuke a analisar rapidamente os movimentos que Hotaro fazia a seguir.

(Ele está a aproximar-se, não parecem ser movimentos muito elaborados, mas ele está a parar antes de me meter no alcance dele.)

Tentou mover-se, mesmo sem acelerar o tempo do seu corpo o Brain Burst permitia-lhe analisar e reagir mais rápido. Em resposta aos movimentos de Hotaro, Jousuke manteve uma posição própria de Boxe, fletindo o corpo para o lado aquando do soco do líder da Sleeping Forest, que culminava num raio negro que estendia o ataque. Tal raio atingia o ombro esquerdo protegido por uma placa da armadura do Cavalo Menor, que já tinha acabado de se juntar a Jojo enquanto Hotaro ativava o seu power up.

(Aguenta, Equuleus...)

Desviando então por completo para o lado para que a armadura não fosse esposta por muito tempo, Jousuke estava então frente a frente a Hotaro mais uma vez, apenas com a armadura de raios dele na frente.

(Deve de haver algum lugar onde a armadura seja mais ténue. Se algo como aquilo destrói matéria, então certamente o impediria de respirar se ele se cobrisse completamente. Sendo assim, então ele precisa de manter a face liberta pelo menos para respirar. Mas apenas um soco não será suficiente, porque assim ele facilmente poderia suster a respiraçao e proteger-se fechando a proteção na cara.)

A resposta era simples, não dar oportunidade de Hotaro respirar.
Então a partir dos braços de Jousuke começaram a aparecer outros braços, que levaram consigo os punhos da armadura de Equuleus, lançando-se ambos contra a face de Hotaro. "ORAORAORAORAORAORAORAORAORAORAORAORAORAORA"


Os punhos do Stand atiravam-se contra a face de Hotaro tentando obrigar o rapaz a ter de focar a sua protecção ali.

Durante esse tempo, Jousuke já preparava a sua energia para algo mais. O momento em que Hotaro se visse obrigado a alargar a protecção para respirar, seria o momento decisivo.

Técnica: ORAORAORAORA! / Blazing Fists
Descrição: Star Platinum aparece, disparando vários ataques físicos mais rápidos do que os que Jousuke consegue realisar.
Rank: G~Z
Atual: E


Força: 9
Velocidade: 11 +4 =15
Resistência: 4
Poder Magico: 16 +6 =22

Energia= 67-2-10(stand)-15= 40
Stamina = 85

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Sab 24 Jan 2015 - 18:11



Josuke fora astuto, em poucos segundos perante a revelação da armadura, fora capaz de idenficar a sua fraqueza e planear um contra ataque, impressionante. Todavia, atingir o 'calcanhar de Aquiles' e derrubar o guerreiro eram duas tarefas com graus de dificuldade muito diferentes - Electric Barrier! - exclamou o loiro. Electricidade começou a propagar-se do seu corpo formando à sua frente um escudo a partir da energia negra. Era tarde demais para evitar levar com um soco na cara, mas o timing era perfeito para fazer com que os estragos fossem maiores que os proveitos daquela investida do Minami. Como era de esperar, tudo o que tocasse naquela barreira sofreria os efeitos da aterradora magia negra do rival.
Hotaru dera um pulo atrás, ganhando um pouco de distância - Estás mais esperto qualquer coisa. Finalmente foste para a escola aprender o alfabeto? - provocava, como era hábito, quer a vencer ou a perder, nunca perdia a chance de lançar um comentário a gozar com o seu rival. O loiro levou a mão esquerda ao bolso, e dela retirou dois anéis que já estavam colocados. No seu cinto havia também duas boxes - É a tua última chance de me derrotares, anda! - desafiava, que teria na manga Hotaru?
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Dom 25 Jan 2015 - 15:11

Tinha já passado algum tempo desde que Jousuke tinha subido às montanhas para verificar o que se passava. Mesmo tentando confiar nas capacidades de Jousuke, sem poder ficar olhando para o teste de Judal, Kohaku resolvia aproximar-se das montanhas para tentar perceber o que se passava.
Uma luta, como seria de esperar. De um lado Jojo, usando a sua armadura e Stand, do outro, um rapaz que ela nunca tinha visto antes. Tentou não tentar advinhar quem era, mas da maneira como estavam parecia haver claramente inimizade.

O adversário, Hotaro, lançava-se para trás enquanto levava as mãos aos bolsos para pegar em algo que tinha quardado nos bolsos. Mais uma carta na manga, pensou Jousuke enquanto via aqueles objetos que não conseguia muito bem. Mas não estava para perder tempo, pois assim que os punhos de Star Platinum atingiram a barreira de Hotaro, o que tinha causado estragos nos punhos da armadura do Cavalo Menor, já tinha saltado ficando no ar com uma bola incandescente por entre as mãos.


Antes que Hotaro podesse usar a sua próxima cartada, uma bola crescente de "fogo" era arremessada contra ele, explodindo como uma supernova mesmo à sua frente. Durante um momento Jousuke perguntou-se se algo baseado em pura radiação de energia (ou seja, diferente de matéria) era afetado pelos poderes de Hotaro, mas a sua ideia também era tentar cegar Hotaro com a explosão brilhante mesmo à queima roupa.


Nome: Supernova Explosion
Descrição: Derivação do Corona Explosion Overdrive, cria energia solar que reage com os gases no ar para criar uma "pequena" estrela, que é arremessada.
Devido ao fato da estrela não ter condições para se manter durante muito tempo (falta de hidrogénio para consumir) entra em colapso poucos momentos depois, imitando uma supernova pela aparência.
Energia gasta: 10
Stamina gasta: 25
Rank: B

Força: 9
Velocidade: 11 +4 =15
Resistência: 4
Poder Magico: 16 +6 =22

Energia= 40-2-10=28
Stamina = 85 -25 =60

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Sex 30 Jan 2015 - 4:22



- Merda! - exclamou Hotaru. A situação estava perigosa, Jojo aproveitara para preparar um ataque enquanto Star Platinum atacava-lhe. Estava a superar em inteligência o cavaleiro de Athena. Era impossível travar a supernova que vinha em seu caminho, porém talvez fosse possível diminuir os danos. Aproveitando a barreira eléctrica de à pouco, aplicou mais energia e expandiu-a para tentar conter a explosão, todavia a técnica era bastante forte e por isso, Hotaru ainda sentira o poder da supernova sendo puxado agressivamente para trás quando esta colapsou, colidindo contra um rochedo.
- Agh. - expressava enquanto cuspia sangue, tentava-se levantar, já com grandes dificuldades, a batalha estava praticamente decidida, mas não era o estilo do loiro desistir, iria continuar até os seu músculos recusarem-se a mexer - Podes achar que isto termino- - era interrompido enquanto cuspia mais um pouco de sangue para a sua mão esquerda  - Mas vais ter um grande susto final. - ameaçou, com uma expressão tão séria e gélida. Na mão ensaguentada, dois chamas acenderam-se, uma em cada anél. Uma das chamas era em tons vermelhos, fortes e destructivos, e outra não parecia uma chama, mas sim electricidade, faíscas verdes a saltar. Levou as chamas a uma box na sua cintura e na presença das duas chamas, sete postes saíram da caixa, sendo que seis deles fixaram-se de imediato no solo, em forma de héxagono e começaram a emitir a magia do usário, electricidade negra, formando uma vedação intransponível, até que um sétimo poste flutuou no centro do hexágono, no ar, com a electricidade a ser emitida para este, passando de uma cerca hexagonal a uma prisão em forma de pirâmide hexagonal com dois lá dentro - Será que aguentas, ou cairás primeiro que eu?
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Dom 1 Fev 2015 - 23:00

Parecia que o combate estava acabando com a vitória aparente de Jousuke, mas num movimento de despespero Hotaro montou um Bounded Field que propagava a sua magia num hexágono, apanhando os dois rapazes. ("Obcessão de merda... é assim tão grande ao ponto de me tentares levar contigo?")
Kohaku não podia fazer mais nada se não olhar, vendo como lá dentro Jousuke sofria com a sua pele a ser danificada pela magia negra do adversário. Algo daquele género não poderia ser facilmente contratacado com a Wood Make da rapariga, muito menos num local onde já não se encontrava muita vegetação.

A chave para derrubar o campo estava em derrubar os postes que serviam como arestas dele. Por isso Jousuke mantinha a concentração, enquanto ambos os seus punhos brilhavam.

"Podes ir masé chupar vergas para o Inferno." praguejou ele enquanto levou os dois punhos ao chão com força, cada um deles soltando uma descarga de Hamon que explodiria mesmo na base de dois posts (um à esquerda de Jojo outro à direita).

Técnica: Sendo Ripple Overdrive
Descrição: Manda a energia da Hamon através de alguma superficie (paredes) soltando uma explosão de energia no outro lado.
Energia: 5
Stamina: 5
Rank: G

Força: 9
Velocidade: 11 +4 =15
Resistência: 4
Poder Magico: 16 +6 =22

Energia=28-5-5-2 = 13
Stamina=60-5-5= 50

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Tsunayoshi em Sex 13 Fev 2015 - 14:11


Jousuke tinha duas alternativas, ou atacar a barreira, ou atacar Hotaru. Este escolheu a primeira hipótese, o que talvez não fosse a mais astuta. Assim que o Minami se focara na barreira, o rival estendera o seu braço ao céu, com o auxílio do outro, e toda a energia que fluía entre os postes começou a concentrar-se no pilar que flutuava ao alto e centro da cúpula - Vou trazer o inferno até nós Jojo, para onde eu for, vens comigo! - exclamava, demente completamente possuída pela rivalidade e ódio de derrota. Com isto, levou o seu braço abaixo e com o final das suas forças o seu corpo seguiu e caiu no chão. Toda aquela electicidade negra ia na direcção do cavaleiro, mas o impacto afectaria ambos. Que fará Josuke?
avatar
Tsunayoshi

Mensagens : 209
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Prometheus - Archer
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Ter 17 Fev 2015 - 2:04

Jojo necessitava sobreviver acima de tudo. Com Hotaro em desespero, a maior descarga até ao momento dirigia-se a grande velocidade, deixando Kohaku a temer pelo destino do rapaz, cujo cabelo já voltava ao normal, indicando não aguentar mais o Altered God Mode.
Desculpa, cara de cu, mas não posso deixar que a tua obcessão se meta no meu caminho.... apesar de tudo ainda tenho um caminho a seguir, gente para apanhar, gente para admirar e seguir os paços. Objetivos a sério.
Recolhendo o seu Stand, Jojo precisava do poder do Controlo do Tempo Inato para se proteger "Equuleus... aguenta só mais esta comigo."

Star Platinum... Stagnate!

E então para se proteger dos rápidos trovões que combinavam o poder Destrutivo da Tempestade com a Rigidez do Trovão, Jousuke fletiu-se tentando proteger os seus pontos vitais, enquanto o seu Tempo abrandava, congelando-se como água em gelo. Era algo que lhe estava a provocar imenso desgaste físico, porque apesar do seu poder, não era natural um ser humano ter o seu Tempo Inato modificado.



Técnica: Stagnation
Descrição: Josuke usa o poder do seu Stand de uma maneira ligeiramente ligerente, congelando o estado de algo em vez de o regredir. Isto pode servir para "endurecer" objetos, uma vez que estão congelados no tempo e não irão receber tantos impactos, como por exemplo o ar, criando barreiras.
Rank: D

Força: 9
Velocidade: 11
Resistência: 4
Poder Magico: 16

Energia= 13 -10 = 3
Stamina= 50 -10 = 40

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Syaoran em Qua 4 Mar 2015 - 3:43


OFF: Desculpa Tsuna sei que eras tu a tratar disto e sei que estás ocupado, mas ele já teve nesta cena durante muito tempo. Por isso desculpa pegar nisto sem pedir a tua autorização.


A tentativa desesperada de sobrevivência de Jousuke depois do ataque ainda mais desesperado de Hotaru era boa iria tentar manter o seu ataque parado tentando assim negar os danos feitos pelo ataque, mas a junção de desgaste de combate e a falta de poder não o ajudaram.
Uma nuvem de fumo ocorreu naquele local cobrindo por minutos os dois rivais um deles com certeza já inconsciente, no local de impacto estava uma cratera e no centro dela os dois rapazes ambos inconscientes, dos dois sem duvida o Loiro era o que estava em pior estado, não tivera nenhuma maneira de se defender do seu próprio ataque, mas Jousuke também não estava muito melhor mesmo com a sua tentativa de se preservar havia sido ainda afetado bastante acabando também bastante ferido e inconstante ambos em perigo de vida se não fossem socorridos rápido.

avatar
Syaoran

Mensagens : 749
Data de inscrição : 18/05/2014
Idade : 23
Localização : Matosinhos

Ficha do personagem
Nome:: Alibaba Saluja
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Qua 4 Mar 2015 - 12:05

Tinha sido de cortar a respiração ver aqueles dois rapazes dar tudo por tudo um contra o outro, mas agora estavam os dois deitados ali ao frio, e poderiam correr risco de vida se não fosse socorridos já. Por isso Kohaku sentiu-se na obrigação de fazer alguma coisa, formando duas pranchas de madeira com a sua Magecraft, puxando depois os dois corpos para cima delas.
Por momentos ainda se perguntou porque estava a tentar salvar também Hotaro apesar do que tinha acontecido entre os dois. Tentou pensar sobre como Jojo reagiria, mas afinal de contas não podia simplesmente deixar uma pessoa a congelar até à morte inconsciente na neve.

"Vamos então, Jousuke-san..."

E começou a empurrar as duas pranchas pela neve.

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Hiroby em Qua 13 Maio 2015 - 22:39

* Another flashback*

Fumava seu cigarro calmamente em meio as montanhas nevadas, lembrando-se de vários acontecimentos que por ali ocorreram. O que mais se repetia em sua mente naquele momento era a luta entre Goldark e Newgate. Aquilo já havia ocorrido faz mais de dois anos, mas ele ainda se lembrava daquele triste dia com a mesma intensidade...

...A execução no centro da cidade.

Por mais que Edward Arques não fosse o mesmo, ele ainda guardava muito do bastardo original. Seus objetivos foram a coisa que mais mudou naquele momento. Ele tinha tanto para fazer... Ele precisava ressuscitar o clã Scarlet, mas antes ele tinha outras coisas para se fazer. E a primeira ocorreria ali, no local que considerava menos visível entre todo aquele amontoado de neves e cumes.

- Por mais que tenha me contado sobre o ocorrido naquele beco, não posso matar o Shiroi... Escravos são caros, ainda mais quando eles têm suas formas humanas. Não estou querendo ofender você, Clyde; digamos que eu esteja só sendo realista. Ainda sim, para prosseguirmos nossos planos com normalidade, não posso deixá-lo da forma que está, tentando me assassinar sempre que possível. É por isso que você precisa resolver esta minha delicada situação... Apodere parte da mente do Shiroi. Não precisa torná-lo meu completo subordinado, mas só inibir suas forças que tentam me atacar. Faça ele me odiar, mas não poder me destruir.

- Tentarei da melhor forma possível, sir Edward. 

Não seria uma missão muito simples, mas havia possibilidades de ser efetuada. O processo seria semelhante ao feito junto com Edward para que os dois tivessem uma ligação mental e de poderes. Ainda sim, Bonn Clyde não tinha certeza do que poderia ocorrer ao realizá-lo com alguém inconsciente. Ele supôs que seria mais simples de ter controle sobre a mente da pessoa e por isso poderia limitar partes da mente de Shiroi, entretanto, não sabia como funcionariam as forças inconscientes da mente do psicopata.

Fez sua energia mística fluir por entre seu corpo até estar se movimentando por inteiro. Ela rodopiava para várias direções, nunca se mostrando plena em constância. Seus olhos brilhavam com uma intensidade estranha... Pareciam que os astros todos brilhavam em sua íris.

E ele deu uma profunda bicada na testa do servo de Edward, começando a transferir parte da sua essência espiritual para dentro da mente deste. Das poucas vezes que ele chegou a fazer isso, ele sempre acabou por considerar estranho. Era como se a consciência dele invadisse a mente de outra pessoa simplesmente para fincar uma bandeira por ali. No caso de Shiroi, ele estaria mais para resolver os problemas do satélite e depois voltar para a Terra... Voltaria? 

E o bastardo observou o corpo imóvel do corvo, que agora não parecia ser mais nada além de um animal empalhado que observava o nada enquanto adentrava a mente daquele falho assassino.

Um território obscuro e estranho, foi a primeira suposição da essência de Bonn Clyde ao invadir todo o império mental de Shiroi. A essência do mago irradiava a luz naquele complexo obscuro de labirintos de uma cópia do hotel Overlook, construído com perfeccionismo como que pela ação de Stanley Kubrick. Qual seria o quarto 237 ali dentro?

Atravessou os corredores, até o momento em que as luzes decidiram se acender e, vindos de uma escadaria surgida do nada, três pianos e seis padres caíram na direção do velho ilusionista, que pôs-se a desviar por pouco daquele insano ataque do inconsciente do Tsuki. Mesmo quebrados, os pianos ainda tocavam uma sinfonia de Beethoven sem mínimos problemas. Tomavam formas cada vez mais surreais, até alcançarem a silhueta de grandes monstros e começarem a perseguir o Corvo.

Correu e adentrou em um dos portões possíveis para escapar. Viu-se preso dentro de um barril que caía em uma grande cachoeira de lava e como por súbito, decidiu tentar voar, tendo sucesso. Ao longe, viu um navio de ossos com a figura de Shiroi na proa. Em poucos instantes, a estranha imagem deformada tomou em perfeição todas as formas do rosto deste. - Aqui não tens poder! - disse a estranha figura, começando a rir freneticamente. Todos os cenários da mente de Shiroi tentavam transtornar Bonn Clyde, que cada vez mais se via sem ter o que fazer.

Talvez as ilusões deem certo!, pensou em meio ao desespero, usando de seus poderes para tentar iludir o próprio subconsciente de Shiroi. Se ele conseguia voar por ali, era possível que ele pudesse usar o resto de seus poderes. Só não sabia se aquilo teria efeito ali dentro, tamanha rede de insanidade existente... Porém, mais valia tentar impedir o ato de ser absorvido por aquele cenário do que acabar se rendendo. Sem ele por perto, quem teria algum controle, mesmo que mínimo, sobre os atos de Edward?

E com uso das ilusões, acabou por ficar invisível.

Ainda sim, ele conseguia escutar alguém gritando lá fora com ele. - Pouco vai valer esconder-te, pyosu... Por mais que use suas artimanhas, este local acaba por descobrir e desconstruir tudo, pyosu. Não há como escapar, meu amigo! 

O Corvo notou que aquele que falava era um Shiroi que navegava por entre os mares de lava em um pequeno barco de madeira. Por mais que fosse ele, ao mesmo tempo não parecia. O modo de falar, os trejeitos... Era diferente do psicótico. O mago estava confuso, sem saber o que poderia fazer naquele momento. Notou que logo os traços de invisibilidade eram desconstruídos.

- Siga-me... Eu sei como podemos nos salvar, pyosu! - gritou o estranho Shiroi, enquanto conseguia abrir um portal por entre a lava. Talvez fosse uma armadilha, mas Bonn Clyde não tinha mesmo muita esperança do que fazer. Entrou dentro do portal junto do rapaz.

E os dois pararam em um universo plenamente branco.

- Onde estamos? 

- Na única área onde podemos ficar salvos, por enquanto, pyosu.

- Não consigo compreender. Aliás, quem é você?

- O outro Shiroi, pyosu. Aquele que é um bom servo e não odeia ninguém, pyosu... Eu sou o Shiroi que você e o Edo-kun precisam. Vivo aprisionado na mente do Shiroi já fazem muitos anos, tendo tido pouco controle sobre a mente dele durante esses tempos, pyosu. Pode-se dizer que o Shiroi que toma controle de tudo está me perseguindo e tentando me exterminar da forma que lhe for possível, mas até hoje, eu consigo escapar, pyosu. Este cenário em branco é uma das minhas únicas bases de escape contra seus poderes. É um campo nulo, pyosu. 

- E como podemos encontrar o Shiroi cruel?

 - Eu sei onde ele fica, mas não sei como posso alcançá-lo. Ele sempre está a mudar as variáveis de tudo neste cenário... Nada é a mesma coisa. Talvez ele ainda não tenha modificado a base de controle, pyosu. Ainda sim, acredito que com suas habilidades, nós podemos depô-lo...

- Podemos tentar confundir a mente dele quanto aos seus atos de controle. Assim, ele não poderá ter mais consciência do que está controlando. 

-  É uma boa possibilidade, pyosu. Bem, tentarei levá-lo até a central de controle e enquanto faço isso, você tenta confundi-lo o máximo possível, pyosu.

- Acordo feito.

- Bem, agora temos que escapar. Não podemos ficar muito tempo aqui ou logo ele encontrará está área nula da mente dele.

E assim iniciou-se os planos dos dois. Após saírem do campo nulo, Bonn Clyde começara a infestar todos os cenários por onde passavam com ilusões, mas diferente da primeira ilusão que fez ali dentro, a utilizou para confundir Shiroi quanto ao cenário e não sobre si, o que dificultava toda a análise das situações para o Evil Shiroi. Cruzaram muitos portões e cenários surreais e baseados em cultura pop, até encontrarem a base do antagonista.

Era um local onde a quantidade de tecnologia era mesmo abissal: computadores, câmeras, visores, máquinas de distorção da realidade aparente... Tudo estava ali, inclusive o Shiroi cruel. Sentado numa poltrona reclinável e giratória, este se virou para observar seus dois adversários. Acariciava uma faca enquanto observava os presentes. - Bem-vindos ao Show de Truman!

E lançou a faca contra sua boa versão, que logo projetou seu stand Breaker Green, que no caso, não era verde, e sim laranja. O outro também projetara seu Stand. Era engraçado como os dois Shirois se vestiam de formas diferentes e os mesmo tinham os Stands iguais, apesar das cores diferentes. Aquilo parecia um verdadeiro jogo de luta dos anos 90. Breaker Green endureceu seu corpo, impedindo qualquer chance da faca causar-lhe ferimentos.

- EMERALD SPLASH! - os dois disseram em uníssono, e os dois golpes se embateram. O Shiroi do bem fora mais ferido. Agora se notava um dos fatores que fazia o mesmo sempre estar sendo derrotado e perseguido. Por mais que fossem parecidos, o Evil Shiroi tinha mais força.

- Estou vendo que essa batalha vai ser simples, apesar de serem dois contra um. As pessoas deviam desistir desse clichê de que o bem predomina sobre o mal... É extremamente entediante. Se for assim, eu sou o bem e vocês são anomias que devem ser destruídas, como bem diria Durkheim! - e bocejou após terminar suas palavras.

- Me poupe... Vou lhe mostrar a capacidade de meus poderes...

E assim o fez. Devorado por múltiplos abismos e vórtices, Evil Shiroi começava a sentir a sensação de um eterno deja-vu em sua mente, onde a cada momento parecia sofrer um processo de tortura para depois se sentir recuperado e sofrer de novo. A ilusão foi-se expandindo e a cada momento, ele gritava mais...

- O que está fazendo?

- Assustando-o, evidentemente. Finalize-o.

E assim, surgiu mais outro Emerald Splash, bem no rosto de Evil Shiroi. Em seguida, Bonn Clyde aprisionou ele em uma ilusão onde não conseguia se soltar de forma alguma. Ilusão que seria prolongada com o comando do Good Shiroi por ali dentro, que o aproveitou para aprisioná-lo verdadeiramente e usar de seus novos poderes sobre a mente de Shiroi para manter aquela ilusão por tempos indeterminados. Para concluir, interligou sua mente ao de Shiroi, o que poderia dar o benefício de se comunicarem telepaticamente com facilidade e também, a chance do Corvo distribuir parte dos seus poderes com o servo de Edward. 

Com a missão concluída, o ilusionista voltou ao seu corpo de corvo. Questionou à Edward, quanto tempo havia passado desde que entrou dentro da mente de Shiroi.

- Não fazem nem quinze minutos, eu acho. Observar essas montanhas me confunde em termos de tempo. Aqui parece que tudo é a mesma coisa... Sempre...

Agora, só era preciso esperar que Shiroi reacordasse para serem vistos os resultados. Clyde decidiu refletir aquela última frase dita por Evil Shiroi antes de ser derrotado. Não conseguia se ver como alguém bom da forma como estava começando a seguir Edward. Ele sentia no âmago que podia controlar sua mentalidade, mas não podia impedir de ser ordenado pelo Scarlet. Claro que ele não tinha necessidade de obedecer tudo que ele dizia... Ainda sim. 

Bonn Clyde se sentia fadado à perdição.
avatar
Hiroby

Mensagens : 157
Data de inscrição : 09/05/2014
Idade : 19
Localização : Acrelândia

Ficha do personagem
Nome:: Edward Arques
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Uchiha em Ter 30 Jun 2015 - 14:59

Katsuhiro chegara às montanhas. Andava lentamente, até porque a neve que enterrava por completo os seus pés não permitia um passo mais acelarado. Tinha saudades de sentir este frio no corpo, é acolhedor., pensou o rapaz. A sua casa não era no cume das montanhas - nem chegava perto. Situava-se numa das imensas subidas, num desvio que, para quem soubesse o caminho, tornava fácil a chegada a uma pequena gruta que, no seu interior, se transformava numa estrutura de madeira grossa onde os Yuuma habitavam. O jovem entrava agora, pela primeira vez desde o "incidente", em casa.

Sangue seco por todo o lado...

O local ainda se encontrava completamente destruído: mobília no chão, objetos partidos, estruturas danificadas... sangue seco e congelado por todo o lado. Katsuhiro nunca soube o porquê daquilo, em todos os anos de cativeiro nada lhe disseram. Limitou-se a uma simples rotina: acordar, ser torturado, comer, ser alvo de experiências, dormir. As marcas no corpo do rapaz comprovavam essa rotina.

Akane... porquê?- o corpo do Mukade tornou-se leve, mas este arranjou forças para não cair. Estava de pé, mas não estava em si. O espaço branco e florido da sua mente havia voltado.


Hiro-kun, a parte engraçada disto tudo é tu perceberes, não é?

A mulher riu-se. Estava sentada ao colo de Katsuhiro que continuava imobilizado na cadeira, algemado.

Lembraste destes nossos momentos?- a mulher aproximou-se do ouvido do rapaz - Eram perfeitos.

Ao acabar a sua frase, Mizuki mordeu a orelha de Katsuhiro. A mente deste tornou-se num terramoto que tudo abanou, até aquela imagem por fim desaparecer.

Yuuma estava de volta a realidade. Sentiu a orelha esquerda húmida, tocou-a com a sua mão direita. Estava sangrar.

O que é que me fizeram?- Katsuhiro estava chocado, no entanto, sabia que aquilo não era impossível... Tudo o que havia passado na sala de tortura e experiências fez-lhe esquecer a noção do conceito oposto a "possível".

Katsuhiro continuou a analisar o local. Cozinha, quartos, casa-da-banho, sala de estar, estavam todas no mesmo estado, como se um tornado formado num mar de sangue tivesse por ali passado. Ainda assim, nenhum vestígio de roupas do seu pai se encontrava ali. Aliás, nenhum vestígio de uma luta - o sangue e a destruição estavam lá, isso era evidente, mas... Está tudo demasiado bem arrumado, como se... quisessem fingir que algo aconteceu aqui....

Não mataram o meu pai, pelo menos não aqui, pois não?

Desta vez Katsuhiro não foi levado para dentro da sua mente... ou da de Mizuki, apenas ouviu a voz da sua bela torturadora na sua cabeça.

Conclusão interessante, e porque achas isso?

Porque tu... vocês... eles, procuravam algo, queriam algo, não iam arriscar matar o velho sem saber onde esse algo estava. - o Yuuma desviou o olhar para uma certa divisória da casa - E o velho era demasiado inteligente e teimoso para entregar esse algo... - fez uma breve pausa antes de concluir o raciocínio - Por isso, ou o meu pai ainda está vivo ou torturaram-no até à morte.

Isso não passam de suposições Katsu-kun, o que te leva a querer que tens razão?- Mizuki tomava um tom de certo gozo, apenas para substituído por um silêncio de surpresa, e certo medo, perante a resposta de Katsuhiro.

Porque eu sei exatamente o que esse "algo" é.- Katsuhiro sorriu de uma forma um tanto convencida.

Dirigiu-se até uma das paredes da sala, onde anteriormente estava um armário, agora derrubado. Com um certo jeito de quem já tinha feito aquilo antes, a parede abriu como se fosse uma grande porta. Estava agora numa pequena divisão, onde tapado por um tapete estava um alçapão. Katsuhiro abriu o mesmo, descendo umas longas escadas. Encontrava-se no interior da montanha. Ao chegar ao fim destas, o jovem assenta o pé numa pequena placa. O incontável número de luzes acenderam-se do nada. O local revelou-se.

Parece que se esqueceram de analisar o laboratório do velho.

Katsuhiro ignorou todas as grandes estantes que formavam um grande corredor. Estavam repletas de livros empoeirados e materiais científicos dos quais o ghoul nunca havia percebido nada. No final do corredor, estava apenas uma pequena secretária. Estava repleta de rabiscos e metodologias, pareciam desenhos de objetos mágicos, as estruturas fisiológicas de químeras, círculos de alquimia. Tal como as estantes, foram ignorados pelo jovem. Este apenas se limitou-se a abrir uma pequena gaveta. Dentro desta estava apenas uma folha de papel escrita a lápis.

"ESCONDI-O. ÁRVORE SÁBIA DE KONOHAGAKURE.
1/2 GOLDARK - FORAM ELES"

O que é que eu estou a ver, Katsuhiro? - Akane estava intrigada com a situação, mas cuidadosa. Sentia uma oportunidade.

Ele consegui escondê-lo, a "Árvore Sábia de Konohagakure" não é uma árvore, é um velho amigo, ele deve saber de algo... - passou para a segunda parte da mensagem - "1/2 Goldark"? ... Pelas histórias que o pai contava o Goldark era uma espécie de tirano que liderava a marinha, por isso esta parte deve-se referir à atual marinha também como maléfica? Não... O "1/2" refere metade, não, seria demasiado objetivo... apenas parte? Talvez exista uma parte sombria da marinha e foi essa mesma parte a responsável? O que sabes disto?


De repente, o corpo de Katsuhiro viu-se paralizado. Não se conseguia mexer e cada movimento que tentava produzir resultava numa dor agonizante. Tentou-se agarrar com tudo o que podia à realidade, mas não conseguiu. Voltou àquele espaço.


Não estou a gostar disto, Yuuma-kun, não estou a gostar nada disto. - Mizuki tomava uma voz sombria, emitia uma aura estranha. Aproximou-se de Katsuhiro, face a face com este, apertando-lhe o pescoço, espetando as unhas na carne do jovem. A dor passava para o mundo real - Isto aconteceu demasiado cedo, mas não tenho alternativa..

Os olhos de Akane transmitiam uma certa loucura. Se ela continuasse a apertar, Katsuhiro iria morrer. Pensa, Katsu, Pensa.... Tornava-se cada vez mais difícil respirar, tudo o que acontecia naquele domínio mental estava a ter os seus efeitos no mundo real. Katsuhiro não aguentava muito mais tempo. Ela não me pode matar, se a alma principal é tomada pela secundária, esta sozinha não consegue dominar o corpo, mas se a principal dominar a secundária então...

É a minha vez.

Num movimento rápido, aproveitando a proximidade de Akane, Katsuhiro morde-lhe o pescoço. O Ghoul comia parte da segunda alma que se encontrava no seu corpo, e uma mudança de imediato se notou no seu comportamento. Mizuki conseguiu-se afastar, ao mesmo tempo que Katsuhiro se libertava das algemas que o prendiam à cadeira. O seu Kakugan libertou-se no olho esquerdo. Agora a expressão de loucura pertencia ao rapaz.

Toda a dor que me causaste, todas aquelas horas, semanas, meses, anos... Vou fazer-te sofrer 100x isso, lentamente, progressivamente.

Um duelo físico entre os dois iniciou-se, mas rapidamente acabou. A alma de Akane não possuía os meios para libertar a sua força total. Todas as pétalas brancas se tornaram vermelhas, cor de sangue. Mizuki estava deitada, de barriga para cima, com o ghoul em cima dela.

Podia fazer-te desaparecer neste momento, Akane. - fez uma pausa - Mas preciso de ti.

A mulher tomou uma expressão confusa.

Vou-te deixar viver dentro de mim. Tu precisas da minha alma para viver, eu preciso do teu poder para sobreviver. Vais tentar tomar o meu corpo e eu vou ficar danificado, mas irei sempre sobrepor-me a ti. Lembra-te disso. Lembra-te sempre deste momento, deste meu olhar, lembra-te de que não importa o caminho que tentes tomar, o resultado será sempre a minha vitória sobre ti. Por isso, vamo-nos ajudar mutuamente, sim?

Não sabes a verdadeira natureza da minha força, não sabes as consequências que trará, não sabes o que isso te fará... Um monstro que quererá comer o mundo, é isso que estás preparado para ser?

Não quero saber se é contra a Marinha, se é contra o Concelho Mágico ou se é contra o Hokage, eu vou saber tudo o que me fizeram, vou descobrir o que aconteceu ao meu velho, vou descobrir toda a verdade que há para descobrir acerca da existência de tudo. Dirijo-me num caminho de destruição, Akane Mizuki, essa é a minha opção. Se eu não comer o mundo, o mundo come-me.

Exato, Katsuhiro-kun. Alimenta-te. Toma-me.

Lentamente, Katsuhiro começou a comer parte de Mizuki. Ela não morreria, ele também não, mas nada ficaria igual.

Yuuma Katsuhiro suava imenso e respirava de uma forma incontrolável. Já não estava paralisado, mas o seu corpo tremia, como se não fosse capaz de aguentar todo o poder que se tentava libertar. Este acabou por cair, ficando com os quatros membros apoiados no chão. O seu Kagune libertava-se, involuntariamente, 4 caudas que se assemelhavam a centopeias saiam agora do fundo das costas do jovem.

Akane, pára...

Mais duas caudas se libertaram. Katsuhiro sentia uma aura estranha. Não era sua, mas saia do seu corpo. Era um poder negro, obscuro, toda a solidão e medo que o ghoul já havia passado não se comparavam à aura que se espalhava no seu corpo. Espécies de chamas roxas começaram a circundar todo o corpo de Katsuhiro, as suas caudas incluídas. O jovem sentia-se a explodir, parecia não ter força o suficiente para aguentar toda a força de Akane.

Eu já te disse...

Toda a estrutura começava agora a ruir. O espaço secreto do pai de Katsuhiro, a sua antiga casa, toda aquela zona da montanha, estava tudo a desmoronar-se, sendo o Yuuma o epicentro de tudo. Enquanto tudo caía, Katsuhiro levantava-se.

O quê?!

O jovem estava a comprimir todo aquele poder, chegaria àquele nível de força um dia, mas o Yuuma tinha a noção que naquele momento todo aquele poder faria o seu corpo explodir. Para alem de estar a manipular a sua prórpia alma, o jovem estava a manipulara alma de Akane. Já de pé, todas as chamas que o circundavam tornaram-se negras como carvão, e as suas caudas eram agora 10. Katsuhiro havia fundido a sua alma com a da mulher. Através de apenas um pura necessidade de poder e de sobrevivência de ambos, atingiram uma sincronização perfeita.

... Tu és minha, Mizuki.

Rapidamente, e de forma a não ser esmagado, Katsuhiro escapou através dos destroços da montanha. Uma pequena avalanche tinha sido criada devido a toda aquela comoção. Voltando agora ao centro da vila, Katsuhiro só tinha uma coisa em mente.

Descobrir a verdade custe o que custar, esse é o meu desígnio.

O jovem que saía das montanhas nevadas de Fuyuki não era o mesmo que havia entrado.
avatar
Uchiha

Mensagens : 70
Data de inscrição : 19/06/2015

Ficha do personagem
Nome::
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Syaoran em Seg 5 Out 2015 - 3:33

Terminava os seus afazeres, relato do acontecido para o Conselho e sem obter qualquer gesto de gratidão pelo seu esforço e trabalho, delicadeza de avisar da morte do falecido aos seus amigos mais próximos e novamente sendo tratado com alguma hostilidade.
Mas pelo menos estava feito tinha novamente algum tempo para si imaginava que depois das suas acções seria mal recebido no Conselho e não tinha qualquer vontade de abrir o Bar. O que iria fazer? Descansar? Não, apesar de estar a andar de um lado para o outro sem parar em termos de cansaço não o sentia. Conhecer ou conviver pessoas? Ainda mais fora da questão havia poucas pessoas que lhe interessasse mas nenhuma estava disponível ou próxima. Então o que iria fazer? Planeava testar algo que já havia feito à bastante tempo e que já desejava refazer mas que não tinha tido tempo nem oportunidade de fazer.

- “Eu já consegui fazer isto quando era mais novo quando estava a aprender magia e ainda não tinha descoberto a minha afinidade com a magia aquática.”comentou para si mesmo, já que estava naquele lugar sozinho e isolado, de modo a meter o seu raciocínio alinhado – ”Magia de Tempo-Espaço…. Foi um dos primeiros tipos que tentei utilizar quando nos deram a oportunidade de escolher em qual nos aperfeiçoar, mas era demasiado difícil para mim comparado à de água.”reflectiu batendo com o seu ceptro no chão preparando-se para começar.

Não esperava conseguir fazer algo pelo mais pequeno que fosse à sua primeira tentativa, mas não era por saber que ia falhar que não iria utilizar todo o seu poder mágico e concentração. Uma das primeiras coisas que lhe tentaram ensinar e fora a única que tinha conseguido executar algo relativamente parecido fora a criação de portais, em níveis mais avançados sabia que poderia até teleportar-se para onde quisesse mesmo que fosse no outro lado do mundo ou no extremo até tentar viajar no tempo, mas era obvio que não seria naquele dia que iria tentar esses feitos.
Sentia a sua magia correr-lhe pelo corpo, descer até aos pés subir até ao cérebro e voltar ao centro do seu peito a onde recomeçaria o ciclo de novo e de novo e de novo até ao dia que morresse ou que por algum motivo ficasse sem magia, corria pelas suas veias até as pontas dos seus dedos e num expiro tal como o ar saia dos seus pulmões o seu poder saia pelas pontas dos seus dedos da mão direita na qual segurava o seu ceptro, naquele momento o objecto transformava-se em parte de si o utilizando como se tratasse de um lápis o arrastava pelo chão rochoso desenhando um pequeno circulo no chão o levantando por momentos apenas para voltar a fazer outro circulo alguns centímetros ao lado do primeiro.
No chão ficava marcado os seus dois círculos a sua linha era notoriamente feita de energia, magia, mas não lhes tinha dado propósito eram apenas linhas magicas desenhadas na rocha normalmente e em termos práticos o desenho dos portais e propósito dos mesmos eram feitos ao mesmo tempo, mas desta vez para facilitar a tarefa os havia feito separadamente e agora que as linhas estavam feitas bateu com o seu bastão o chão entres os dois desenhos gémeos soltando uma onda de propagação, qual igual quando uma gota cai numa poça de água calma e criar penas adulações a partir do lugar a onde caiu, a gota neste caso era o seu Cajado e as ondulações a sua energia e magia levando o propósito daqueles desenhos que nesse exacto momento ficaram preenchidos por uma cortina negra.

-“Parece que era mesmo pequeno e fraco na altura, acho que me subestimeis.” – comentou pensando que tinha conseguido.

Sim os portais tinham sido desenhados, sim pareciam de certa forma estar abertos e ligados mas até algo passar por um e sair pelo outro não havia provas. Apontou a ponta superior do seu ceptro para um dos pequenos portais circulares e criou uma pequena lasca de gelo lançando com algum força em direcção a este, a prova tinha sido dada aquele pequeno pedaço de gelo entrada por um e quase de imediato saída pelo outro passando com velocidade a poucos cêntimos da sobrancelha do Mago.
Não havia sido assim tão difícil nem energeticamente dispendioso, mas fazer portais com menos de 3 centímetros de diâmetro não serviriam para quase nada. Iria ficar ali a tentar fazer maiores até se sentir satisfeito, ou por outro lado cansado ou aborrecido.
Mas agora sabia que conseguia só precisava de aperfeiçoar e em vez de fazer os portais e depois os dar propósito começou a fazer as duas coisas ao mesmo tempo no momento que desenhava o portal este ficava preenchido como se já estivesse aberto apesar de não estar ligado a nada. Fez novo par de portas algo maiores que a sua primeira tentativa, desta vez sentia as suas reservas serem gastas, ao contrario do que tinha acontecido antes que quase não tinha reparado.
Depois de se certificar de novo que aquilo funcionava com novo pedaço de gelo voltou a tentar fazer maiores e maiores, a cada tentativa estava a fazer portais maiores e cada teste lançava algo maior para condizer o tamanho das portas.
A cada tentativa sentia-se mais à-vontade cada vez mais habituado a criar portas entre lugares, mas havia duas coisas que não tinha tentado, todas as tentativas tinham sido feitos os portais um ao lado do outro se ele não conseguisse fazer portais longe de si não valeria de nada e o segundo ponto era que ele estava a desenhados numa superfície solida o chão, não seriam totalmente inúteis se só pudesse faze-los no chão e paredes mas seriam muito uteis se conseguisse-os fazer em pleno ar.
E começou então a tentar fazere-los mais longe conseguia particamente fazer um que o deixasse passar por ele e deixando o primeiro aberto começou a afastar-se. Primeira tentativa um metro com sucesso, dois metros de distancia também conseguia, três, quatro, cinco, seis, sete, outro, nove, …
Conseguia fazer portais ligados a alguma distancia presumia que não conseguisse faze-los a quilómetros ainda não tinha aperfeiçoado assim tanto, mas sabia que se os tivesse de utilizar tinha ainda alguma distancia, mas como era obvio o tanto o tamanho do portal como a distancia a que estavam ligados tinha uma carga maior nas suas reservas.
Agora que tinha testado a distancia iria tentar faze-los em pleno ar, presumia que seria mais difícil do que os fazer em superfície como se eles se tratassem de portas e algo receoso tentou desenhar em pleno ar um enorme circulo que o deixasse e criar um portal, para a sua surpresa não era difícil era praticamente igual aos que desenhava no chão, até temia a dizer que era mais fácil, tinha receado para nada.
Sorria, sentia-se algo cansado mas satisfeito com aquela aprendizagem e descoberta e para terminar iria tentar algo que apenas se tinha lembrado ali, para começar abriu um portar praticamente a sua frente e depois apontando para longe a uma distancia de 10 ou 15 metros voltou a desenhar outro em pleno ar e atravessou entre eles era a ultima coisa que se tinha lembrado, seria um tanto desconfortante ter de ir ao local fisicamente para desenhar a porta.

-“Haaaam…”bocejou coçando a cabeça, tinha passado bastantes horas ali para alem de ter se desgastado, queria agora si voltar para um lugar seguro e dormir até restabelecer as suas forças.
avatar
Syaoran

Mensagens : 749
Data de inscrição : 18/05/2014
Idade : 23
Localização : Matosinhos

Ficha do personagem
Nome:: Alibaba Saluja
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Mustang em Dom 25 Out 2015 - 19:43

Alphonse pousava sobre as grandes montanhas de gelo de Fuyuki, relembrando-se daquele vila como o ponto onde tudo começou, onde todos os supernovas se reuníram pela primeira vez. Começou a caminhar, dando pequenos passos de cada vez, parecia já saber o caminho pretendido. Em questão de alguns minutos, deu-se de frente a uma enorme cratera no centro das montanhas, conseguia sentir com o seu Haki a energia que ainda la ecoava. Aquela deformação fora causada pelo grande confronto entre Goldark e um dos quatros Yonkos, líder do clã Scarlet, Newgate. Suspirou e continuou a caminhar em torno da cratera, parecia já ter algo em mira. Um pequeno lenço vermelho que estava por baixo dos escombros.

- Isto deve bastar. - concluiu enquanto pegava no lenço vermelho, que anteriormente pertencia a Newgate.
avatar
Mustang

Mensagens : 435
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Sasagawa Alphonse
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por ET em Ter 27 Out 2015 - 1:41

Desde que Alphonse havia chegado a Fuyuki, algo parecia estar em redor. Ao encontrar aquilo que seria o catalista para chamar o espírito de Newgate Scarlet, tornava-se mais certo que havia outra aura por perto dele.
Alguém, com um copo de vinho na mão, de tronco nu, apreciando a brisa, estava alguém que há muito que queria conhecer o Espectro de Benu.

Spoiler:
"Boa manhã que estamos a ter, Benu."
Embora calmo, o segundo Espectro não fazia esforço para esconder a Alfonso a sua aura, a maior assinatura que podia ter para a sua posição.

_________________
Gentlemen, I like to troll. Gentlemen, I like trolling. Gentlemen, I LOVE to troll.
I like Asspull
I like twits
I like sudden trolling, I like planned trolling
in posts, in threads, in rules, in the facebook group, in the skype chat
I like pacing
I like missing details
I like pretentious plot
I like THE HEART
I love every aspect of trolling that takes on this Earth
and that's my policy as a mod
avatar
ET
Admin

Mensagens : 1131
Data de inscrição : 08/05/2014
Idade : 23
Localização : Açores

Ficha do personagem
Nome:: Minami Josuke
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário http://animerpgpt.forumeiros.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Mustang em Ter 27 Out 2015 - 12:16

O radar de Alphonse começava a oscilar com as variacias perturbadoras de energia, enquanto o ambiente começava a ficar também mais pesado e o frio gélido das montanhas começava a aumentar, diminuindo a sua temperatura. Em curtos passos aproximou-se alguém, o ilusionista não teve iniciativa nenhuma, manteve-se de costas, observando a cratera com o lenço vermelho na mão esquerda. Inclinou um pouco a cabeça para a direita, observando a estrutura do outro Juíz. O oponente não tinha interesse em ocultar a sua energia, parecia querer expor o seu patamar ao recente juiz.

- Outro Juiz de Hades? - perguntou na sua voz seco e neutra - Posso ajudar-te em algo? Estou um pouco ocupado neste momento.
avatar
Mustang

Mensagens : 435
Data de inscrição : 08/05/2014

Ficha do personagem
Nome:: Sasagawa Alphonse
Stats:
Estilos:

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Montanhas Nevadas

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum